ANÁLISE

RELATÓRIO REGIONAL ABRIL / MAIO

Os conflitos sociais, políticos, econômicos e sanitários colocam a grande maioria dos países latino-americanos em estado de alerta. Em muitos casos, esses conflitos já existiam antes do surgimento da COVID-19 mas só aumentaram como um rio alimentado por seus afluentes.

Globalmente, a pandemia gerou a recessão econômica mais importante desde a Segunda Guerra Mundial, mas a nossa região foi a que mais sofreu. O PIB global diminuiu 3% em 2020, mas na América Latina e no Caribe, esta queda foi de 7%.

Essa queda pode ser explicada por dois fatores principais: saúde e economia. Os dois estão intimamente ligados.

Além da crise de saúde e suas consequências econômicas, devemos agregar outros tipos de conflitos sociais em nossa região.

Em suma, nossa região passa por problemas de saúde, econômicos, políticos e sociais, cujas soluções potenciais definirão os próximos anos da América Latina.

Baixe aqui o relatório completo sobre problemas e soluções na região.