ANÁLISE

Eleições de meio período – O que nos dizem as tendências?

À medida que avança o processo eleitoral no México, o Instituto Nacional Eleitoral (INE) tem se concentrado em revisar o cumprimento do marco regulatório na matéria, especialmente na fiscalização dos candidatos e partidos, ações que em sua maioria, foram impugnadas perante o Tribunal Eleitoral do Poder Judiciário da Federação (TEPJF).

Sobre outros assuntos, o INE, em conjunto com a Universidade Nacional Autônoma do México (UNAM), criou a plataforma “Voto Informado” com o objetivo de que os cidadãos conheçam as plataformas eleitorais dos partidos e candidatos da presente eleição.

Em relação à pandemia, o INE deu início a simulados sanitários para garantir o cumprimento das medidas de saúde nos locais de votação instalados no país.

É por isso que compartilhamos este documento, fruto de uma profunda revisão e análise realizada pela equipe da Ágora México sobre o estado atual do processo eleitoral, destacando as questões críticas em seu desenvolvimento.

O relatório completo aqui.